ESCOLHA O SEU VESTIDO

Finalmente chegou o dia de escolher o seu vestido e como toda noiva, você quer ser o centro das atenções. Nada mais natural!

Para a escolha do vestido deve-se levar em conta a idade, o estilo do casamento e o tipo físico da noiva, o horário e grau de formalidade da cerimônia, a estação do ano, o quanto pode gastar e por aí vai...

Mas preste atenção no horário da cerimônia! Muitas vezes, é ele quem define parte do grau de formalidade do casamento, o que evidentemente está associado à roupa da noiva
Estas são apenas algumas dicas para ajudá-la na hora de fazer sua escolha, por isso, visite muitas lojas, experimente vários vestidos, veja muitas fotos e aproveite bem esta fase tão gostosa!

Se você pretende usar um vestido feito com um tecido mais nobre, tal como seda,cetim, renda, veludo ou musseline, o modelo deverá ser mais clean, para realçar a beleza do tecido.
Se for um tecido mais simples, você poderá usar um modelo mais trabalhado.

Se você escolheu casar-se

DE MANHÃ


• Procure ser mais jovial que solene escolha um vestido delicado, de pique, lese ou organza.
Prefira tons de branco, pérola, nuance pastel ou até mesmo uma cor mais forte.

• Na cabeça, véu curto com pequeno volume e arranjo de flores artificiais ou naturais.

• Pode-se usar casquete, chapéu de abas ou capeline. O buquê, de flores naturais e discretos.

A TARDE

• O vestido deve ser discreto e com cauda pequena.

• O véu curto pode chegar até a cintura. Escolha tecidos como shantung, seda, organza e tafetá.
Não use brilhos.

• Na cabeça, grinalda de flores artificiais, pistilos de pérolas e pequenos ramos.

• O buquê, de flores naturais e que combinar melhor com o vestido.

A NOITE

• O vestido deve ser longo e com cauda, feito de tecido precioso.
Para os detalhes, use rendas ou bordados suntuosos.

• O véu deve ser mais longo que a cauda. Na cabeça, uma tiara, coroa ou diadema.

• O buquê, de flores naturais pode ter formato redondo, de ramalhete ou cacho.

O uso de chapéu é indicado apenas para cerimônias diurnas, de manhã ou à tarde e acompanha bem tanto vestidos quanto taillers, longos ou curtos.

Um vestido simples é sempre mais elegante.
Evite exagerar principalmente nos enfeites. Babados, pedrarias e bordados demais acabarão escondendo a sua beleza.
Os brincos devem ser discretos e estar combinando com o vestido.
Se ele for muito bordado no corpo, não use colar.

O véu pode ser de renda ou de tule, curtinho ou bem comprido ( de acordo com o seu gosto, modelo do vestido, horário da cerimônia e tamanho da igreja), com tiara ou grinalda à sua escolha.
A grinalda, tiara ou arranjo de cabeça deve acompanhar os tons do vestido, combinar com o desenho do seu rosto, com o tipo de penteado e com o modelo do vestido.

Atenção: Tiaras brilhantes não combinam com casamentos diurnos!
Neste caso prefira as de pérolas ou flores (naturais ou de tecido).

Os sapatos devem ser de couro na tonalidade do vestido ou forrados com o mesmo tecido do vestido ou de seu detalhe.
Dependendo do modelo do vestido e da estação do ano, você poderá usar uma sandália ao invés do sapato. Neste caso, o cuidado com os pés deve ser redobrado!

Use meias transparentes (tenha sempre um par reserva idêntico para o caso de imprevistos).
Se tiver cabelo comprido, você poderá usá-lo preso.

O cabelo solto é mais indicado para casamentos realizados pela manhã ou mais informais.
Se optar por usar bijuteria, escolha um colarzinho de pérolas, se combinar com o seu vestido.
Evite pulseiras, broches e anéis.

Em casamentos realizados à noite, dependendo do vestido escolhido, você poderá usar um colar com mais brilho.
Você poderá também usar uma jóia de família, se esta tiver algum significado especial para você.